Réquien de Pétalas


Por onde anda teu passo tão leve?
Estive aqui por tanto tempo
Acredite
Procurando por respostas
Sem poder voar
Tão fraco e perdido por entre as nuvens
Enfrento o sol e perco minhas asas
Para ver que a flor em teus cabelos
É tão bela quanto seu rosto
Caí deste céu
E não pude acordar
O dia virou noite e ainda estou aqui
Procurando em sonhos o brilho de teus olhos
E ao te encontrar não pude ver teu rosto
Levei tanto tempo tentando entender
Que outros rostos e vozes mudaram você
E tua voz se perdeu ao sabor do vento
Será que ainda somos as mesmas pessoas?
Para onde teus pés lhe guiam agora?
Para longe de mim mesmo tenho andado
Espero que um dia nossos caminhos se cruzem
(??/2006
19/11/2010 – 13h53min)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Poesias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s