Tela

O tempo passa lentamente
Você passa ao longe
Te vejo seguir
Como um pintor olha
Seu mais belo quadro
Como uma paisagem pintada a óleo
Que demora em secar
Você ficará em minhas lembranças
Até que a tinta seque
Até que você vá embora

Seja meu horizonte
Não meu ponto de fuga
(00h22min – 06-12-05
04h12min -24/01/2010)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Poesias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s