Lua

Doce lua que ilumina seu olhar
E a sua lembrança me leva a sonhar
Você me apareceu tão de repente
Tempo demais para gostar de ti
Mas agora estás tão longe
Meu coração te chama
Assim tão sozinho
Apaixonado pela lua
Que resplandece em seu olhar
Tento ser feliz
Estando onde estiver
Mas tudo o que mais quero
É estar ao seu lado
Receber seu carinho
Beijar sua mão
Ao contemplar seus belos olhos
Nesta noite de lua cheia
As palavras guiam meus passos
Cartas não expressam sentimentos
Mas levam a você minhas saudades
Dama de vidro
Personificando meus sonhos
Os mais belos que eu já tive
Rainha da lua
Princesa do meu coração
A rosa mais bela e viçosa
Tens o perfume
Que os deuses devem ter
Vampiro de asas prateadas
Carrega nas mãos
A rosa que tingi com meu sangue
Ofertado a sua beleza
No ritual que a ti encerro
Diante de ti lhe peço
Dama da lua
Meu doce Vampiro
Seu ardente e convidativo
Beijo de morte
(??/??/??
14h03min – 25/01/2010)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Poesias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s