Espinhos

Passo horas pensando
Pensando nela
Em cada segundo que passamos
Um tempo antes eterno
Agora simples
Exiguo
Vejo as pedras do caminho
E as rosas que teimam em machucar
Espinhos
Não tenho mais nada
No que acreditar
Nada além do amor
Eu não tenho nada
Que me prenda a você
Nada além do amor
Pé na estrada
Cabeça nas nuvens
Não tenho mais nada
Além de você
Meu amor.
(26/04/2006 – 21h42min
05/10/2010 – 12h16min)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Poesias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s